Contra a idolatria do Estado: O papel do cristão na política

Capa
Sociedade Religiosa Edições Vida Nova, 23 de mar de 2016 - 288 páginas
Contra a idolatria do Estado oferece ao leitor uma oportunidade singular de se posicionar de maneira ativa e consciente no atual cenário político nacional e internacional. Por meio da mensagem evangélica, a "religião do Estado" é confrontada e a ação política cristã é legitimada, ao mesmo tempo que qualquer autoridade humana é submetida à autoridade soberana de Deus, o único a quem devemos culto em todas as esferas de nossa vida.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

O autor precisa estuda melhor o significado de Comunismo e socialismo, esse livro é uma crítica sem fundamento etimológico e simplesmente pobre de significância cristã.

Páginas selecionadas

Conteúdo

Seção 1
Seção 2
Seção 3
Seção 4
Seção 5
Seção 6
Seção 7
Seção 8
Seção 9
Seção 10
Seção 11
Seção 12
Seção 13
Direitos autorais

Termos e frases comuns

Sobre o autor (2016)

É bacharel em Teologia pela Escola Superior de Teologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie e mestre em Teologia pelo Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil. É diretor e professor de Teologia Sistemática e História da Igreja no Seminário Martin Bucer, em São José dos Campos, São Paulo, e consultor acadêmico de Edições Vida Nova. É autor, entre outros livros, de A igreja cristã na história, Avivamento para a igreja, Teologia Sistemática (Curso Vida Nova de Teologia Básica) e Teologia sistemática (em coautoria com Alan Myatt), publicados por Vida Nova.

Informações bibliográficas