São Paulo 1946-1957: representação da cidade na música popular

Capa
biblioteca24horas, 2010 - 174 páginas
Pela investigação de letras de músicas populares em meados das décadas de 1940 e 1950, o livro oferece um caminho de reconhecimento das imagens de cidade e da visão que os artistas da época tinham das profundas transformações que testemunhavam na cidade de São Paulo. Para além dos mapas e planos, as canções oferecem testemunhos de uma vivência que subverte, questiona ou simplesmente supera a imagem idealizada e ufanista da cidade 'moderna' e de 'progresso' que se divulgava então.

De dentro do livro

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Páginas selecionadas

Conteúdo

O Rádio em São Paulo
21
Capítulo
39
O surgimento das favelas em São Paulo
69
Capítulo
103
dimensão simbólica
127
O Crescimento físico de São Paulo e a periferia
143
Considerações Finais
159
Direitos autorais

Outras edições - Visualizar todos

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas