Múltiplos viveres de afrodescendentes na escravidão e no pós-emancipação: família, trabalho, terra e conflito (Juiz de Fora-MG, 1828-1928)

Capa
Annablume, 2006 - 347 páginas
O livro foi organizado em duas partes. A primeira, 'Caminhos que se descortinam - reconstrução de trajetórias de afrodescendentes' trata do cotidiano de afrodescendentes, percebendo suas redes de solidariedade e convívio com os demais segmentos sociais. A segunda, 'Senhores de terras e afrodescendentes', trata de afrodescendentes e senhores de terras em suas relações de convívio e de desavenças, e tem como fio condutor a história dos habitantes da Fazenda da Boa Vista, em Minas Gerais.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

CONSIDERAÇÕES INICIAIS
23
CAMINHOS QUE SE DESCORTINAM
39
ESCRAVOS REBELDES MOVIMENTOS SOCIAIS
65
ESCRAVOS REBELDES DA ZONA DA MATA MINEIRA
80
LEIS DIREITOS E JUSTIÇA NO COTIDIANO
116
POR DETRÁS DAS TUTELAS UM 13 DE MAIO ÀS AVESSAS
132
EUFORIAS REENCONTROS E CONFLITOS
140
LEGADOS EM TESTAMENTO PARA
167
SENHORES DE TERRAS
197
FRANCISCO GARCIA DE MATTOS UM TROPEIRO NA ZONA
206
EXPERIÊNCIA DE ASCENSÃO ECONÓMICA E SOCIAL
233
CONSTRUINDO E RECONSTRUINDO LAÇOS
261
ÓDIOS QUE EXPLODEM NA LUTA PELA TERRA
275
CONSIDERAÇÕES FINAIS
307
FONTES DE PESQUISA
329
Direitos autorais

OPORTUNIDADES E POSSIBILIDADES DOS LEGATÁRIOS
180

Outras edições - Visualizar todos

Termos e frases comuns

Passagens mais conhecidas

Página 339 - FEBVRE, Lucien. Combates por Ia historia. Barcelona: Ediciones Ariel Esplungues de Llobregat. 1971. (2 ed.) FIGUEIREDO, Luciano. Barrocas famílias: Vida familiar em Minas Gerais no século XVIII. São Paulo: Hucitec, 1997. FRAGOSO, João Luís Ribeiro. FLORENTINO. Manolo. O arcaísmo como projeto. Mercado atlântico, sociedade agrária e elite mercantil no Rio de Janeiro, c. 1790 - c. 1840. Rio de Janeiro: Sette Letras, 1998. 3 edição. FRAGOSO, João Luís Ribeiro. Homens de grossa aventura: acumulação...

Informações bibliográficas