Riqueza e escravidão: vida material e população no século XIX, Bonfim do Paraopeba/MG

Capa
Este livro traz os seguintes capítulos - Capítulo 1 Papel dos homens e das mulheres na história de Bonfim - O universo da população através dos números censitários; Historiografia mineira - problemas e questões que permearam a pesquisa; Bonfim do Paraopeba - presença regional e provincial; População de Bonfim por faixa da posse de escravos; indicadores econômicos da alta concentração de renda; Capítulo 2 Dimensão material e riqueza no século XIX - Inventários 'post-mortem' e dimensão material na historiografia brasileira; Dimensão material das famílias segundo o espaço geográfico; Arquitetura da fortuna segundo as fontes cartorárias; A flutuação da riqueza no segundo reinado; O pêndulo da fortuna - dos não-escravistas aos grandes proprietários de cativos; Capítulo 3 Artefatos do cotidiano no segundo plano; Pluralidade e funções dos artefatos nas fontes cartorárias; O mundo do mobiliário; Referências da indumentária e dos utensílios domésticos; Vestimenta sinalizando as diferenças sociais; Produzindo tecidos de algodão, importando seda, lã e outros; Universo da cozinha - dos vasos de barro às baixelas de prata; Jóias - objeto mais elitizado da sociedade; A sofisticada vida material de um provável abolicionista.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Páginas selecionadas

Conteúdo

APRESENTAÇÃO
32
PROBLEMAS
38
POPULAÇÃO DE BONFIM POR FAIXAS DA POSSE
58
INVENTÁRIOS ROSTMORTEM E DIMENSÃO
71
ARQUITETURA DA FORTUNA SEGUNDO
94
O MUNDO DO MOBILIÁRIO
113
VESTIMENTA SINALIZANDO AS DIFERENÇAS
126
DOS VASOSDE BARRO
139
CONSIDERAÇÕES FINAIS
157
Direitos autorais

Outras edições - Visualizar todos

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas