Brasil 500 anos: tópicas em história da educação

Capa
Aborda, sob diferentes matizes, o tema da escola e da escolarização, cujo tratamento permite sublinhar ambigüidades, produzir distinções, historicizando a escola e abalando os pilares de uma concepção unívoca da história e reconfigurando a historiografia educacional. Apresenta os novos interesses, problemas e procedimentos de nálise que têm orientado essa configuração, na medida em que põem em cena uma multiplicidade de experiências educacionais esquecidas ou obscurecidas por uma historiografia educacional construída sob o primado do discurso legal e calcada em representações da escola como instituição atemporal.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

I
13
II
43
III
53
IV
67
V
97
VI
117
VII
137
VIII
169
IX
205
X
225
XI
241
Direitos autorais

Outras edições - Visualizar todos

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas