Edgar Allan Poe: um homen em sua sombra

Capa
Atelie Editorial, 2002 - 143 páginas
Poeta de personalidade ambígua, Edgar Allan Poe manteve conturbadas relações familiares, cultivou o isolamento e envolveu-se com o álcool de maneira destrutiva. Esses e outros aspectos biográficos foram fundamentais para a constituição de sua fascinante literatura, marcada pelo desencantamento com a sociedade de seu tempo. Ricardo Araújo, professor da UnB, analisa as condições subjetivas e históricas que propiciaram a gênese de um dos maiores poetas norte-americanos do século XX.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

.

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

edsonaraujo

Passagens mais conhecidas

Página 12 - From childhood's hour I have not been As others were — I have not seen As others saw — I could not bring My passions from a common spring. From the same source I have not taken My sorrow; I could not awaken My heart to joy at the same tone; And all I lov'd, I lov'd alone.
Página 12 - In its autumn tint of gold — From the lightning in the sky As it pass'd me flying by — From the thunder, and the storm — And the cloud that took the form (When the rest of Heaven was blue) Of a demon in my view.

Informações bibliográficas