Rompendo o laço conjugal

Capa
Appris Editora e Livraria Eireli - ME, 1 de jan de 2017 - 199 páginas
0 Resenhas
Rompendo o laço conjugal: o enlace de vinte e duas narrativas, obra de Carlos Eduardo Veiga, apresenta linguagem acessível e direta. O livro convida-nos a conhecer, em um primeiro momento, a construção social e histórica da família, do casamento e das relações amorosas, para, na sequência, debruçar-se sobre o universo inusitado do laço conjugal, de sua tecelagem até a dissolução. A seu serviço, o autor entrelaça múltiplas narrativas de 22 entrevistados em uma radiografia das relações amorosas, tendo como eixo o rompimento do laço conjugal, no qual emoções escapam ao controle e questionamentos geram mais angústias do que respostas. O autor parece ter carinho especial com cada um dos entrevistados, pois concede a eles narrativas suficientes para que demonstrem sua importância na história. Talvez a maior proeza seja sua capacidade de fazer com que o leitor envolva-se com todos que se entrelaçam, sem provocar um nó na cabeça de quem está lendo, em uma narrativa fragmentada, mas extremamente coesa. É um livro sobre escolhas e consequências, sobre desejos e culpas, sobre segredos e mentiras, sobre enredos cheios de ambiguidade e sem um final redentor. Mostra a vida que a gente não quer ver, aquela que a gente esconde das redes sociais. O leitor vai enxergar situações e pessoas que poderiam muito bem estar entre nós, mas sem necessariamente tomar partido. Um ensaio sobre nós mesmos. Dito isso, o livro será útil não apenas para todos os interessados, no campo das relações amorosas e das configurações familiares, mas igualmente para todos que passaram ou estejam vivenciando o processo de separação conjugal.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

Seção 8
Seção 9
Seção 10
Seção 11
Seção 12
Seção 13
Direitos autorais

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas