Os discursos do descobrimento: 500 e mais anos de discursos

Capa
EdUSP, 2000 - 270 páginas
1 Resenha
No momento em que especialistas de áreas diversas do conhecimento e a sociedade em geral se propõem a discutir o Brasil, quinhentos anos após a chegada dos portugueses ao 'Novo Mundo', é oportuno refletir também sobre os discursos de construção do imaginário nacional, a partir de perspectivas teóricas diversas. Somando-se às reflexões desenvolvidas na Universidade em torno do tema, a Edusp apresenta aqui o primeiro volume da Estante 500 Anos que contém ensaios de alguns dos mais reconhecidos estudiosos brasileiros das questões de linguagem. Eles analisam temas fundamentais colhidos nestes cinco séculos de discursos que incluem escritos de cronistas e viajantes, a Carta de Caminha e o Diário de Colombo, a prédica dos jesuítas, a literatura indianista, os textos das Constituiçòes, as primeiras gramáticas brasileiras e os livros didáticos de História, entre outras fontes.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

Apresentação
9
Identidades e Diferenças na Construção dos Espaços e Atores
27
Num Lugar Semântico do Outro Lado dos 500 Anos
51
O Relato de Viagem
69
Quem é esse Povo?
89
Catequese e Colonização no Discurso Jesuítico
103
Entrar na Sociedade Geral dos Cidadãos Caminhos da História
119
de História do Brasil
131
Em Busca de uma Identidade Linguística Brasileira
157
A Produção Gramatical Brasileira no Século XIX Da Gramática
181
Da Colonização
207
1935 nos Jornais e a Memória Discursiva
223
A História em Imagens na Cidade
237
Rindo do Descobrimento do Brasil
251
Sobre os Autores
267
Direitos autorais

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas