A diversidade em perigo: De Darwin a Lévi-Strauss

Capa
Editora Valentina, 18 de out. de 2016 - 272 páginas
A filosofia da diversidade é o antídoto contra a possível extinção da espécie humana. O famoso naturalista Charles Darwin, na aurora de sua carreira, realizou uma viagem que lhe permitiu avaliar a extraordinária riqueza do mundo natural. Para ele, não haveria vida sem evolução e não haveria evolução sem diversidade! Um século depois, aquele que se tornaria um grande antropólogo, Claude Lévi- Strauss, partiu, ainda muito jovem, para a descoberta dos povos da Amazônia e compreendeu que a diversidade cultural era crucial para a evolução do homem. Neste livro, Pascal Picq imagina que os nossos dois cientistas partem novamente para a aventura, para a redescoberta do novo mundo. Entretanto, Charles Darwin e Claude Lévi-Strauss teriam dificuldade em reconhecer esse novo mundo, a tal ponto as diversidades natural e cultural foram danificadas. À medida que as espécies desaparecem e as culturas e as línguas morrem, é o nosso futuro e o da Terra que são prejudicados. Darwin e Lévi-Strauss nos avisaram. Por que não os compreendemos? Podemos, enfim, ouvi-los? Um apelo fascinante a uma conscientização urgente e salutar.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Páginas selecionadas

Conteúdo

Seção 1
Seção 2
Seção 3
Seção 4
Seção 5
Seção 6
Seção 7
Seção 8
Seção 16
Seção 17
Seção 18
Seção 19
Seção 20
Seção 21
Seção 22
Seção 23

Seção 9
Seção 10
Seção 11
Seção 12
Seção 13
Seção 14
Seção 15
Seção 24
Seção 25
Seção 26
Seção 27
Seção 28
Direitos autorais

Termos e frases comuns

Sobre o autor (2016)

utor de grandes sucessos, Pascal Picq é professor adjunto da cadeira de paleoantropologia e pré-história no Collège de France.

Informações bibliográficas