O lado bom da vida

Capa
Editora Intrinseca, 2013 - 256 páginas
Pat Peoples, um ex-professor de história na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um "tempo separados".

Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, sua esposa negando-se a aceitar revê-lo e seus amigos evitando comentar o que aconteceu antes de sua internação, Pat, agora um viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida.

À medida que seu passado aos poucos ressurge em sua memória, Pat começa a entender que "é melhor ser gentil que ter razão" e faz dessa convicção sua meta. Tendo a seu lado o excêntrico (mas competente) psiquiatra Dr. Patel e Tiffany, a irmã viúva de seu melhor amigo, Pat descobrirá que nem todos os finais são felizes, mas que sempre vale a pena tentar mais uma vez.

Um livro comovente sobre um homem que acredita na felicidade, no amor e na esperança.

“Matthew Quick constrói tantas situações absurdas, permeadas por sentimentos tão verdadeiros, que é impossível não torcer por seu improvável herói.”People Magazine

“É difícil não se emocionar com o destino de um homem que, apesar das muitas provações, ainda tenta acreditar na esperança e na fidelidade, enquanto trava uma batalha para recuperar sua sanidade mental.”The Wall Street Journal
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

Livro com uma história fascinante!
Muito bom e recomendo.

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

O lado bom da vida é escrito por Matthew Quick com tradução de Alexandre Raposo pela editora Intrínseca no ano de 2013. É uma história de ficção científica que relata a historia de Pat Peoples. Pat é bipolar, e quando descobriu que sua mulher o traia quase cometeu um homicídio e por isso foi parar no lugar ruim, de onde acaba de sair e espera reencontrar sua ex- mulher, mas ao invés disso conhece uma mulher bonita e interessante que também sofre de problemas.
Camila Oliveira
 

Páginas selecionadas

Conteúdo

Seção 1
Seção 2
Seção 3
Seção 4
Seção 5
Seção 6
Seção 7
Seção 8
Seção 25
Seção 26
Seção 27
Seção 28
Seção 29
Seção 30
Seção 31
Seção 32

Seção 9
Seção 10
Seção 11
Seção 12
Seção 13
Seção 14
Seção 15
Seção 16
Seção 17
Seção 18
Seção 19
Seção 20
Seção 21
Seção 22
Seção 23
Seção 24
Seção 33
Seção 34
Seção 35
Seção 36
Seção 37
Seção 38
Seção 39
Seção 40
Seção 41
Seção 42
Seção 43
Seção 44
Seção 45
Seção 46
Direitos autorais

Termos e frases comuns

Sobre o autor (2013)

Matthew Quick era professor na Filadélfia, mas decidiu largar tudo e, depois de conhecer a Amazônia peruana, viajar pela África Meridional, trilhar o caminho até o fundo nevado do Grand Canyon, reviu seus valores e, enfim, passou a dedicar todo seu tempo à escrita. Ele, então, fez MFA em Creative Writing pelo Goddard College e voltou para a Filadélfia, onde mora com a esposa. Quick é autor de três romances além de O lado bom da vida, e recebeu várias críticas elogiosas e importantes menções honrosas, entre as quais destaca-se a do PEN/Hemingway Award.

Informações bibliográficas