Religião e Religiosidade nas Literaturas Africanas Pós-Coloniais: Um olhar em Chinua Achebe e Mia Couto

Capa
Becalete, 1 de ago de 2019 - 445 páginas
Este livro propõe questionar e problematizar as manifestações da Religião e das Religiosidades nas literaturas africanas pós-coloniais, tanto no âmbito do colonizador como do colonizado, através de uma estética própria, que apresente as ambivalências, lutas simbólicas e o pensamento político do mundo [pós] colonial. Desta forma, no universo colonial, a luta de classe é levada às esferas do sagrado, e nele, as religiosidades descritas no texto africano não são privilegiadas sob uma análise puramente teológica, mas em uma abordagem cujos aparatos e a fenomenologia religiosa são estratégias de criação literária ou estratégia estética própria do pós-colonialismo, a qual se insere no que chamo de Realismo Animista. No discurso repleto de religiosidades vê-se a luta política inerente do ambiente colonial. Para tanto, este livro analisa textos do escritor nigeriano Chinua Achebe e do moçambicano Mia Couto, mais especificamente, Things Fall Apart (1958) e O outro pé da sereia (2006), respectivamente.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

A ESTÉTICA DAS LITERATURAS AFRICANAS
117
A RELIGIOSIDADE DOS COLONIZADOS EM MIA COUTO E CHINUA
135
A GEOGRAFIA DO COLONIZADO O ESPAÇO SAGRADO DE MIA COUTO
145
A RELIGIOSIDADE DO COLONIZADO NO CONTEXTO PÓS COLONIAL
217
A RECONSTRUÇÃO
257
AS VÁRIAS FACES DA FÉ
271
DE ACHEBE
303
Parte III
313
A RELIGIOSIDADE EUROPEIA NO CONTEXTO PÓS COLONIAL EM
337
ENOCH NWOYE E ODUCHE
352
ANTUNES
366
D GONÇALO DA SILVEIRA E REV JAMES
389
CRISTIANISMO COMO RELIGIÃO HÍBRIDA
407

Sobre o autor (2019)

Silvio Ruiz Paradiso é professor de Literaturas Africanas e Portuguesas, da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). Pós-Doutorado em Letras/Literatura pela Universidade de São Paulo (USP) sobre o Realismo Animista. Doutor em Letras com ênfase em Estudos Literários, pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), e um dos sócios fundadores da AFROLIC - Associação Internacional de Estudos Literários e Culturais Africanos. Na pesquisa em Literatura aborda temas como: Religiosidade Africana e Literatura, Literatura Africana em Língua Portuguesa e Língua Inglesa, Religiões negras e Literatura, Pós-colonialismo e Realismo animista. É líder do grupo de pesquisa sobre Literatura Africana, História e Pós-Colonialismo e membro do GT de Estudos Comparados de Literatura de Língua Portuguesa, da ANPOLL. Possui publicações na área em revistas científicas conceito CAPES como Acta Scientiarum. Language and Culture (UEM), Terra Roxa (UEL), UniLetras (UEPG), Nau literária (UFRGS), Ipotesis (UFJF), GT História das Religiões e internacional, como a Revista Lusófonas de Estudos Culturais.  É avaliador do MEC/INEP na área de Letras. Atua como consultor ad-hoc e avaliador de revistas científicas das áreas Humanas dentro e fora do Brasil, sendo autor de 10 livros na área de Letras.

Informações bibliográficas