Cinema mundial contemporâneo

Capa
Papirus Editora, 13 de dez. de 2017 - 352 páginas
0 Resenhas
As avaliações não são verificadas, mas o Google confere e remove conteúdo falso quando ele é identificado
Esse livro reúne importantes nomes da área de estudos de cinema para compor um panorama da sétima arte produzida mundo afora. Do cinema francês ao iraniano, do chinês ao argentino, do britânico ao coreano, passando pelo cenário norte-americano e pela produção brasileira da retomada, a obra examina os cinemas nacionais das últimas duas ou três décadas mais significativos estética e culturalmente. O foco recai sobre os filmes e seus diretores, mas cada cinematografia é analisada tendo em vista seu impacto sociocultural e os discursos e as práticas de seu país de origem, como a identidade nacional, a história e os modos locais de produção, distribuição, exibição e recepção cinematográfica. Com uma abordagem que concilia o didático e o acadêmico, essa coletânea é essencial a profissionais do cinema, pesquisadores, estudantes e cinéfilos. - Papirus Editora
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

Seção 20
Seção 21
Seção 22
Seção 23
Seção 24
Seção 25
Seção 26
Seção 27

Seção 9
Seção 10
Seção 11
Seção 12
Seção 13
Seção 14
Seção 15
Seção 16
Seção 17
Seção 18
Seção 19
Seção 28
Seção 29
Seção 30
Seção 31
Seção 32
Seção 33
Seção 34
Seção 35
Seção 36
Seção 37

Outras edições - Ver todos

Sobre o autor (2017)

Fernando Mascarello (org.), doutor em Cinema, é coordenador da especialização em Cinema e professor de História do Cinema Internacional do curso de Realização Audiovisual da Unisinos. Organizou a coletânea História do cinema mundial. Foi membro do conselho executivo da Socine e editor da revista Teorema. Mauro Baptista (org.) é diretor de teatro, cineasta e autor de vários artigos sobre cinema, design e televisão. Pós-doutor pela Universidade Paris III, Sorbonne, é professor do mestrado em Design da Universidade Anhembi Morumbi. Foi membro fundador da Socine e formou seu conselho deliberativo.

Informações bibliográficas