Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Fazer login
Livros Livros 1 - 9 de 9 sobre Soa na infernal cadeia, Do que o demonio arreceia Como não fugirei eu? . Com razão....
" Soa na infernal cadeia, Do que o demonio arreceia Como não fugirei eu? . Com razão lhe fugiria, Se contr'elle, e contra tudo Não tivesse hum forte escudo Só em Vossa Senhoria. Por tanto, Senhor, proveja, Pois me tee ao remo atado, Que antes que seja... "
Obras de Luiz de Camões: Redondilhas. Comedias - Página 83
de Luís de Camões - 1863
Visualização completa - Sobre este livro

Memoirs of the Life and Writings of Luis de Camoens, Volume 1

John Adamson, Thomas Bewick - 1820
...demonio arrecêa, Como naõ fugirei eu ? Com razaõ lhe fugiria, Se contr' elle, e contra tudo, Naõ tivesse hum forte escudo Só em Vossa Senhoria. Por tanto, Senhor, proveja, Pois me tem ao remo atado, Que antes que seja embarcado, Eu desembargado seja. * The amount of this debt is...
Visualização completa - Sobre este livro

Obras completas de Luis de Camões, correctas e emendadas pelo cuidado e ...

Luís de Camões - 1843
...seccos da espada Do fero Miguel armado? Pois se tanto hum golpe seu Soa na infernal cadeia; Do que o demonio arreceia Como não fugirei eu ? Com razão...Vossa Senhoria. Por tanto, Senhor, proveja. Pois me têe ao remo atado. Que antes que seja embarcado, Eu desembargado seja. ESTAS TROVAS MANDOU HEITOR...
Visualização completa - Sobre este livro

Ensaio biographico-critico sobre os melhores poetas portuguezes, Volume 3

José María da Costa e Silva - 1851
...requerimento. Do que o Demonio arreceia, Como não fugirei eu? Com razão lhe fugiria, Si contra elle, e contra tudo, Não tivesse hum forte escudo Só em...vossa Senhoria. Por tanto, Senhor, proveja Pois me tem ao remo atado, Que, antes que seja embarcado, Eu desembargado seja. Estes ultimos versos alludem...
Visualização completa - Sobre este livro

Ensaio biographico-critico sobre os melhores poetas portuguezes, Volume 2

José Maria da Costa e Silva - 1851
...cadeia, Do que o Demonio arreceia, Como não fugirei eu? Com razão lhe fugiria, Si contra elle, e coutra tudo, Não tivesse hum forte escudo Só em vossa Senhoria. Por tanto, Senhor, proveja Pois me tem ao remo atado, Que, antes que seja embarcado, Eu desembargado seja. Estes últimos versos alludem...
Visualização completa - Sobre este livro

Obras de Luiz de Camões: Redondilhas. Comedias

João Antonio de Lemos Pereira de Lacerda Juromenha (Visconde de) - 1863
...seccos da espada Do fero Miguel armado? Pois se tanto lnim golpe se» Soa na infernal cadeia, Do que o demonio arreceia Como não fugirei eu? . Com razão...que seja embarcado, . Eu desembargado .seja. TROVAS QÚE MANDOÚ HEITOR DA SILVEIRA AO MESMO CONDE, INVERNANDO EM GOA Vossa Senhoria creia Que não apura...
Visualização completa - Sobre este livro

Obras, precedidas de um ensaio biographico, augmentadas com ..., Volume 4

1865
...espada Do fero Miguel armado? Pois se tonto h um golpe seu Soa na infernal cadeia, Do que o demónio arreceia Como não fugirei eu? Com razão lhe fugiria,...tivesse hum forte escudo Só em Vossa Senhoria. Por lanto, Senhor, proveja, Pois me tèe ao remo alado, Que antes que seja embarcado, Eu desembargado seja....
Visualização completa - Sobre este livro

Historia de Camões, Parte 1

Teófilo Braga - 1873
...Decada vn, cap. 9, de Diogo do Couto. Com rasão lhe fugiria Se contr'elle e contra tudo Não tivesse um forte escudo Só em Vossa Senhoria. Por tanto, Senhor, proveja, Pois me tem ao remo atado, Que antes que seja embarcado Eu desembargado seja. Camões foi solto da cadeia,...
Visualização completa - Sobre este livro

Historia da litteratura portugueza, Volume 11

Joaquim Theophilo Braga - 1873
...arreceia, Como não fugirei eu? Com rasão lhe fugiria •Se contr'elle e contra tudo Não tivesse um forte escudo Só em Vossa Senhoria. Por tanto, Senhor, proveja, Pois me tem ao remo atado, Que antes que seja embarcado Eu desembargada seja. Camões foi solto da cadeia,...
Visualização completa - Sobre este livro

Luiz de Camões, Volume 1

José Maria Latino Coelho - 1880 - 374 páginas
...seccos da espada Do fero Miguel armado ? Pois se tanto hum golpe seu Soa na infernal cadeia; Do que o demonio arreceia, Como não fugirei eu ? Com razão...Não tivesse hum forte escudo Só em vossa senhoria. Portanto, senhor, proveja, Pois me tem ao remo atado, Que antes que seja embarcado, Eu desembargado...
Visualização completa - Sobre este livro




  1. Minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Download do ePub
  5. Download do PDF