Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Fazer login
Livros Livros 1 - 9 de 9 sobre Sião? ^Que foi daquele cantar Das gentes tão celebrado? Porque o deixava de usar?....
" Sião? ^Que foi daquele cantar Das gentes tão celebrado? Porque o deixava de usar? Pois sempre ajuda a passar Qualquer trabalho passado. Canta o caminhante ledo No caminho trabalhoso, Por entre o espesso arvoredo; E de noite o temeroso, Cantando, refreia... "
Obras de Luiz de Camões: Redondilhas. Comedias - Página 9
de Luís de Camões - 1863
Visualização completa - Sobre este livro

Obras do grande Luis de Camões ...

Luís de Camões, Thomas José de Aquino, João Franco Barreto, Fernão Rodrigues Lobo Soropita, Manuel de Faria e Sousa - 1815
...entaõ, Que era da musica minha, Que eu cantava em Siaõ: Que foi daquelle cantar, Das gentes taõ celebrado, Porque o deixava de usar, Pois sempre ajuda...passar Qualquer trabalho passado. Canta o caminhante lédo, No caminho trabalhoso, Por entre o espessq arvoredo; E de noite o temeroso Cantando refréa...
Visualização completa - Sobre este livro

Obras completas de Luis de Camões, correctas e emendadas pelo cuidado e ...

Luís de Camões - 1843
...Mas lembranças da affeição Que alli captivo me tinha, Me perguntárão então, Qu'era da musica minha, Que eu cantava em Sião? Que foi daquelle cantar, Das gentes tão celebrado 'í Porque o deixava de usar, Pois sempre ajuda a passar Qualquer trabalho passado? Canta o caminhante...
Visualização completa - Sobre este livro

Obras de Luiz de Camões: Redondilhas. Comedias

João Antonio de Lemos Pereira de Lacerda Juromenha (Visconde de) - 1863
...Mas lembranças da affeição Que alli captivo me tinha, Me perguntárão cntão, Qu'era da musica minha, Que eu cantava em Sião? Que foi daquelle cantar,...o caminhante ledo No caminho trabalhoso Por entre o espesso arvoredo; E de noite o temeroso Cantando refreia o medo. Canta o preso docemente, Os duros...
Visualização completa - Sobre este livro

Obras, precedidas de um ensaio biographico, augmentadas com ..., Volume 4

1865
...Mas lembranças da aíTeie,ão Que alli caplivo me tinha, Me perguntarão então, Qu'era da musica minha, Que eu cantava em Sião? Que foi daquelle cantar,...Pois sempre ajuda a passar Qualquer trabalho passado? Canja o caminhante ledo No caminho trabalhoso Por entre o espesso arvoredo; E de noite o temeroso Cantando...
Visualização completa - Sobre este livro

Historia da litteratura portugueza, Volume 11

Joaquim Theophilo Braga - 1873
...deixasse. Mas lembranças da affeiçâo Que ali captivo me tinha, Me perguntaram então: Que era da musica minha, Que eu cantava em Sião? Que foi d'aquelle...Das gentes tão celebrado ? Porque o deixava de usar f... l Personificando I isboa sob o nome de Sião, escreve essa estrophe memoravel, que tanto tem dado...
Visualização completa - Sobre este livro

Historia de Camões, Parte 1

Teófilo Braga - 1873
...deixasse. Mas lembranças da affeição Que ali captivo me tinha, Me perguntaram então: Que era da musica minha, Que eu cantava em Sião? Que foi d'aquelle...Das gentes tão celebrado ? Porque o deixava de usar f... Personificando L Isboa sob o nome de Sião, escreve essa estrophe memoravel, que tanto tem dado...
Visualização completa - Sobre este livro

Annuario, Volume 1

Sociedade Nacional Camoneana - 1881
...tinha, Me perguntaram então, Qu'era da musica minha, Que eu cantava em Sião ? Que foi daquelle cantor, Das gentes tão celebrado ? Porque o deixava de usar, Pois sempre ajuda a passar Qualquer trabalho pesado? Canta o caminhante ledo No caminho trabalhoso Por entre o espesso arvoredo; E de noite o temeroso...
Visualização completa - Sobre este livro

Lyricas de Luiz de Camoẽs: com traduccoẽs francezas e castelhanas de José ...

Luís de Camões, Xavier da Cunha - 1898 - 131 páginas
...deixasse. Mas lembranças da affeicão, Que alli captivo me tinha, Me perguntaram então, Que era da musica minha Que eu cantava em Sião ? Que foi d'aquelle...o caminhante ledo No caminho trabalhoso Por entre o espesso arvoredo; E de noite o temeroso Cantando refreia o medo. Canta o preso docemente, Os duros...
Visualização completa - Sobre este livro

Lyricas de Luiz de Camoẽs: com traduccoẽs francezas e castelhanas de José ...

Luís de Camões, Xavier da Cunha - 1898 - 131 páginas
...entáo, Que era da música minha Que eu cantava em Siao ? Que foi d'aquelle cantar, Das gentes tab celebrado? Porque o deixava de usar, Pois sempre ajuda...o caminhante ledo No caminho trabalhoso Por entre o espesso arvoredo; E de noite o temeroso Cantando refreía o medo. Canta o preso docemente, Os duros...
Visualização completa - Sobre este livro




  1. Minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Download do ePub
  5. Download do PDF