Tio Tungstênio: memórias de uma infância química

Capa
Companhia das Letras, 2001 - 334 páginas
2 Resenhas
Oliver Sacks narra as recordações de sua infância que foram responsáveis pela sua paixão pela ciência, como o seu interesse pelo comportamento misterioso dos metais. Com as invenções da infância e os tempos traumáticos de colégio interno, Sacks acabou se refugiando na ciência e teve todo o apoio de sua família, que eram todos cientistas, inclusive o Tio Tungstênio, seu Tio Dave. Neste livro o leitor acompanhará a história da química através das pesquisas e inovações de Lavoisier, Mendeleiev, Marie Curie e Robert Boyle, entre outros.

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Outras edições - Visualizar todos

Informações bibliográficas