Os meios de comunicação: como extensões do homem

Capa
Editora Cultrix, 1974 - 407 páginas
Neste livro, Marshall McLuhan passa em revista as tecnologias do passado e do presente e mostra como os meios de comunicação de massa afetam profundamente a vida física e mental do Homem, levando-o do mundo linear e mecânico da Primeira Revolução Industrial para o novo mundo audiotáctil e tribalizado da Era Eletrônica.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

Bom, é um livro absolutamente interessante sem dúvida. Sua linguagem notavelmente culta e abstrata, somada à metáforas e analogias que exigem processamento dedicado para uma compreensão satisfatória, dão ao livro um aspecto amargo porém muito interessante de leitura.
Trás as impressões de um homem peculiar que viveu, e refletiu massivamente, o auge do início do que tanto permeia caracteristicamente nossa complexa sociedade moderna: A comunicação instantânea. Com uma metodologia um tanto estranha Macluhan consegue, surpreendentemente, especular bem sobre muitos aspectos que a humanidade vem adquirindo em relação a explosão de tecnologias de comunicação. Algumas de suas ideias, conceitos e metáforas parecem "um passo maior que a perna", alguns são bastante abstratos, porém, certamente tem seu valor em conhecimento, tem algo a dizer.
O livro, de modo geral, parece tentar categorizar aspectos e características da humanidade, baseando-se nas tecnologias que produzem e na mudança de relações e ações que essas tecnologias inserem umas em cima das outras e por fim na humanidade. Isso mesmo, humanidade. Abusando de alguns termos bastante singulares, e construções de frases lotadas de categorização, Macluhan faz uma série de objeções que podem soar desagradáveis aos mais escrupulosos, porém, ao que tange as reflexões do autor desta resenha, sua taxa de acerto é significativa.
Muito interessante para quem está inserido em uma sociedade da informação e quer se esclarecer sobre seu funcionamento, estar em dia com o mundo em que vive.
 

Conteúdo

Introdução à Terceira Edição em Inglês
9
Prefácio
17
PRIMEIRA PARTE 1 O Meio Ê a Mensagem
21
Meios Quentes e Frios
38
Reversão do Meio Superaquecido
51
Narciso como Narcose
59
Les Liaisons Dangereuses
67
Os Meios como Tradutores
76
O Arquiteto do Nacionalismo
195
Roda Bicicleta e Avião
205
O Bordel Sem Paredes
214
Governo por Indiscrição Jornalística
230
A Noiva Mecânica
246
Preocupandose com os Vizinhos
255
As Extensões do Homem
263
O Hormônio Social
276

A Nêmese da Criatividade
82
Flor do Mal?
95
Um Olho por um Ouvido
100
Estradas e Rotas de Papel
108
O Perfil da Multidão
126
Extensão de Nossa Pele
140
New Look e Nova Visão
144
O Carne do Pobre
153
A Fragrância do Tempo
168
Como Morar no Assunto
181
MAD Vestíbulo para a TV
188
Na Era da Mania do Ferro
290
Metais Sonoros ou Símbolo Tilintante?
298
O Brinquedo que Esvaziou a Caixa Torácica Nacional
309
O Mundo Real do Rolo
319
O Tambor Tribal
334
O Gigante Tímido
346
A Guerra dos ícones
380
Aprendendo a Ganhar a Vida
388
Leituras Ulteriores para Estudo dos Meios de Comunicação
405
Direitos autorais

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas