O jogo e a educação infantil

Capa
Pioneira, 1994 - 62 páginas
14 Resenhas
Dirigido a pesquisadores e educadores, este livro aborda desde o significado de palavras como 'jogo', 'brinquedo' e 'brincadeira', passando pela discussão da importância do jogo na educação infantil, até as teorias de Piaget, Wallon, Vygotsky e Bruner sobre o assunto. A autora dá destaque aos jogos tradicionais, marginalizados em decorrência do acelerado processo de industrialização e urbanização. A atualização e a recuperação desse tipo de jogo são hoje consideradas alternativas adequadas para fortalecer os processos interativos e enriquecer a cultura infantil e vêm chamando cada vez mais a atenção de professores e pesquisadores.

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Avaliações de usuários

5 estrelas
12
4 estrelas
0
3 estrelas
1
2 estrelas
0
1 estrela
1

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

Gostei muito sobre os jogos e brincadeiras isso que sempre digo devemos sempre estar inovando conhecendo novos caminhos. Não é só a tecnologia ser avançada mais também os docentes temos que inovar em jogos e brincadeiras pois nossa crianças de hoje querem cada vez mais inovar e os pais também procura sempre estar atentos nos jogos pedagogicos. 

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

Educação Infantil representa uma das oportunidades dela ampliar os seus conhecimentos na sua nova fase de vida, ela vivência aprendizagens inéditas que passam a compor seu universo, que envolve uma diversidade de relações e de atitudes; maneiras alternativas de comunicação entre as pessoas; o estabelecimento de regras e de limites e um conjunto de valores culturais e morais que são transmitidos a elas. 

Todas as 10 resenhas »

Informações bibliográficas