O cheiro de Deus

Capa
Objetiva, 2001 - 406 páginas
0 Resenhas
O autor reinventa sua família para contar a história de uma dinastia inquieta e poderosa que tem como matriarca Inácia Micaela, que aprendeu a fazer amor com o tio e com ele se casou, alimentando a mistura e os arrepios da família. A narrativa de Roberto Drummond conduz o leitor para a saga de uma mulher que busca descobrir o cheiro de Deus. Apurando o olfato para sentir o cheiro de Deus, ela descobriu que a felicidade também cheirava, que também o dia tinha um cheiro próprio, assim como o sábado à noite em Belo Horizonte cheirava a suor dos amantes. Seria este o cheiro de Deus?

De dentro do livro

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Outras edições - Visualizar todos

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas