O chão da palavra

Capa
Rocco, 1 de jan de 2007 - 437 páginas
0 Resenhas
'Ler e pensar sobre cinema pode ser tão agradável quanto ver um filme' - com essa frase em mente, o professor e pesquisador de cinema, José Carlos Avellar deu forma a este elaborado ensaio sobre as influências recíprocas entre o cinema e a literatura. Aprofundando-se nesta tese, o autor mergulha na parceria entre filme e texto em títulos brasileiros como Vidas secas, Dona Flor e seus dois maridos, Memórias do cárcere, entre outros. Um estudo que comprova que a literatura inventou o cinema apenas para que ele pudesse reinventá-la - uma parceria rica e inspiradora de ambas as partes. O livro começa com uma complexa montagem de citações e referências de diferentes épocas e lugares, levantando questões sobre o tema, e se fecha com uma bateria de 32 perguntas sem resposta. Nos capítulos seguintes, José Carlos Avellar esmiuça sua proposta revendo a parceria entre filme e texto em títulos brasileiros como Vidas secas, Menino de engenho, São Bernardo, Lição de amor, Dona Flor e seus dois maridos, Eles não usam black-tie, Memórias do cárcere e Narradores de Javé, e usando alguns filmes e autores estrangeiros como referência.

De dentro do livro

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

Seção 1
5
Seção 2
19
Seção 3
24
Direitos autorais

26 outras seções não mostradas

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas