MULHER NEGRA HOMEM BRANCO

Capa
PALLAS - 95 páginas
1 Resenha
Neste texto a autora faz um estudo de histórias narradas por uma mulher negra brasileira em busca de aceitação em uma sociedade em que os valores são racistas. Para isso, dá voz à Lila Santos que desvela seus desejos, medos e anseios que a fazem se comportar ora como uma Cinderela em busca da aceitação social através da união com o homem branco (ícone do principe encantado), ora como uma patinha feia, em luta por encontrar sua turma num mundo em que se sente constantemente rejeitada.

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Informações bibliográficas