Estruturas de Governança - Capital Social e Custos de Transação

Capa
Jhonathan Cavalcante da Costa, 17 de out. de 2020 - 55 páginas
Estruturas de Governança é um livro que traduz reflexões sobre aspectos sociais da economia. Seu texto provém de uma monografia aprovada em 2009, ano em que o respectivo tema foi contemplado no Prêmio Nobel de Economia, dividido entre Oliver Williamson e Elinor Ostrom. É um tema antigo e cada vez mais atual. A relevância de atenção aos aspectos humanos e sociais está premente em instituições públicas e particulares. Esta obra passeia por pensamentos filosóficos sobre a validade de métodos científicos e a possibilidade de comparar teorias distintas, a fim de usufruir de complementaridades. Neste sentido, devemos sempre retornar a Adam Smith, que já reconhecia a influência de aspectos sociais sobre a economia. Nesta análise, evidenciamos a contribuição de Francis Fukuyama, que dissertou em seu livro “CONFIANÇA” sobre aspectos inerentes à sociabilidade espontânea e ao desejo de reconhecimento. Estes aspectos, são relevantes para entender o capital social, elemento indispensável para a economia dos custos de transação. Em síntese, este livro discorre sobre a convergência entre as abordagens de Oliver Williamson sobre os custos de transação e de Francis Fukuyama sobre o capital social, ambos os conceitos, centrais para o entendimento sobre estruturas de governança.
 

Sobre o autor (2020)

Doutor em Administração pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Mestre em Gestão Pública e Bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Experiência nas áreas de Ensino, Pesquisa, Extensão, Inovação e Gestão.

Informações bibliográficas