Estatutos del hombre

Capa
Vergara & Riba Editoras, 2001 - 71 páginas
0 Resenhas
O poema 'Os Estatutos do Homem' se consagrou como um dos mais famosos da literatura brasileira. Pablo Neruda - profundamente comovido pelos Estatutos, traduziu-os de maneira única e maravilhosa. Este poema é uma afirmação dos valores eternos do homem, da fé no amanhã, da alegria, da vocação pela paz.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Páginas selecionadas

Conteúdo

Seção 1
Seção 2
Seção 3
Seção 4
Seção 5
Seção 6
Seção 7
Seção 8
Direitos autorais

Outras edições - Visualizar todos

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas