Educação inclusiva: com os pingos nos "is"

Capa
Editora Mediação, 2005 - 175 páginas
0 Resenhas
Neste livro Rosita se propõe a colocar os pingos nos 'is' dessa questão, defendendo que a inclusão envolve a reestruturação das culturas, políticas e práticas das escolas que, como sistemas abertos, precisam rever suas ações, até então, predominantemente elitistas e excludentes. Alerta a autora que a inclusão é um longo processo e não ocorre por decreto ou modismo. Para incluir um aluno com características diferenciadas numa turma dita comum, há necessidade de se criarem mecanismos que permitam que ele se integre social, educacional e emocionalmente com seus colegas e professores e com os objetos do conhecimento e da cultura. Tarefa complexa para a qual a autora traz valiosas contribuições a partir de sua rica experiência.

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Informações bibliográficas