De corpos, atos, afetos e palavras

Capa
Instituto Fernandes Figueira, Rio de Janeiro, 2000 - 221 páginas
0 Resenhas
O tema central do trabalho e a transferencia em toda experiencia de cura, e de forma especial, na cura psicanalitica. Sua questao e : como se transfere? Para delimitar esta questao, expoe-se, brevemente, a constituticao dos modelos de ciencia e de medicina da modernidade, utilizando a leitura de Michel Foucault sobre o nascimento da clinica e o questionamento de Bruno Latour, levantando as redes que o projeto moderno oculta, ao se constituir. A psicanalise e abordada em sua inscricao historica e social e, em sua filiacao original, no campo mais amplo da clinica medica. Para a discussao sobre as modalidades da transferencia e os diversos modos de pensa-la, na Psicanalise, utilizamos Sandor Ferenczi, privilegiando, em sua obra, aspectos que dizem respeito a expressao dos afetos no corpo, sua relacao com o trauma psiquico, e sua clinica. Os temas psicanaliticos sao articulados, igualmente, a outros elementos conceituais hauridos dos trabalhos de etologia humana de Daniel Stern e das pesquisas do filosofo Jose Gil sobre as formas de visibilidade e as pequenas percepcoes. Nosso interesse e assinalar alguns tracos que permitam seguir os diferentes modos de perceber e agir no espaco terapeutico, na atualidade. (AU).

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Informações bibliográficas