Como a mente funciona

Capa
Companhia das Letras, 1998 - 666 páginas
Como as crianças aprendem sobre o mundo que as rodeia? Como tomamos decisões ou enfrentamos riscos? O que diferencia os gênios do comum dos mortais? Amor, confiança, sensibilidade, decepção, criatividade - quais os mecanismos por trás desses e de e outros processos que tomam conta de nossas mentes diariamente? Neste livro extraordinário, o psicólogo e cientista cognitivo Steven Pinker conduz o leitor com maestria por duas grandes teorias: o evolucionismo de Darwin e a moderna ciência cognitiva. Através do uso de exemplos do cotidiano e de uma argumentação lúcida, em estilo cativante e acessível, Pinker mostra como podemos estar bem próximos de uma das últimas fronteiras do conhecimento - a mente humana.

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Avaliações de usuários

5 estrelas
8
4 estrelas
0
3 estrelas
0
2 estrelas
0
1 estrela
0

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

“O objetivo supremo que a mente foi projetada para atingir é a maximização do número de cópias dos GENES que a criaram.”
“São os genes que chegam à geração seguinte – e não os corpos perecíveis
.”
“As pessoas não propagam seus genes de maneira egoísta, são os genes que se propagam de maneira egoísta.”
“Nossos objetivos são subobjetivos do supremo objetivo dos genes = replicar-se.”
“Nessa era científica, “entender” significa tentar explicar o comportamento como uma complexa interação entre (1) os genes, (2) a anatomia do cérebro, (3) o estado bioquímico deste, (4) a educação que a pessoa recebeu, (5) o como como a sociedade tratou este indivíduo, e (6) os estímulos que se impõem à pessoa.”
“Uma psicologia fundamentada em muitas faculdades computacionais projetadas pela seleção natural é nossa melhor esperança para uma compreensão de como funciona a mente que faça jus à complexidade mental.”
“As duas questões mais profundas sobre a mente são : “O que possibilita a inteligência?” e “O que possibilita a consciência?”. Com o advento da ciência cognitiva, a inteligência tornou-se inteligível.”
“Inteligência é a capacidade de atingir objetivos diante de obstáculos, por meio de decisões baseadas em regras racionais ( que obedecem à verdade ).”
“A inteligência provém da informação. Informação é uma correlação entre duas coisas, produzida por um processo regido por lei.”
“A informação, em si, não é nada de especial; ela é encontrada onde quer que causas produzam efeitos. O especial é o processamento de informações.”
“A denominação mais acertada para o estudo da mente informada por computadores não é INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL, mas COMPUTAÇÃO NATURAL.”
“O processamento de informações é a atividade fundamental do cérebro.”
“O cérebro usa no mínimo 4 formatos principais de representação :
1) Imagem visual
2) Representação fonológica
3) Representação gramatical
4) “Mentalês” , a linguagem do pensamento na qual se expressa nosso conhecimento conceitual
“ Nossos olhos esmagam o mundo tridimensional transformando-o num par de imagens retinianas bidimensionais, e a terceira dimensão precisa ser reconstituída no cérebro.”
“ Um sistema inteligente não pode ser entupido com trilhões de fatos. Tem que ser equipado com uma lista menor de verdades essenciais e um conjunto de regras para deduzir suas implicações.”
“ A mente é um sistema de órgãos de computação , projetados pela SELEÇÃO NATURAL para resolver os tipos de problemas que nossos ancestrais enfrentavam em sua vida de coletores de alimentos, em especial entender e superar em estratégia os objetos, animais, plantas e outras pessoas.”
“A mente é um produto da evolução. Durante 99% da existência humana , as pessoas viveram da coleta de alimentos, em pequenos grupos nômades. Nosso cérebro está adapatado a esse modo de vida extinto há muito tempo e não às recentíssimas civilizações agrícolas e industrias.” O QUE DIRIA DA SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO ?????
“A mente é o que o cérebro faz; especificamente, o cérebro processa informações, e pensar é um tipo de computação.”
“Pensamento é computação.”
“A mente tem de ser construída com partes especializadas porque precisa resolver problemas especializados.”
“Temos que fazer suposições falíveis com base em informações fragmentárias”
”Todos os programas criados por pesquisadores da inteligência artificial foram especificamente projetados para uma área específica, como linguagem, visão, movimento ou um dos muitos tipos diferentes de bom senso.”
“Cada parte da inteligência humana engloba cultura e aprendizado”
 

Outras edições - Visualizar todos

Informações bibliográficas