Bíblia: História, Curiosidades e Contradições

Capa
Editora Vozes Limitada, 26 de jul. de 2018 - 656 páginas
Este livro resulta de uma pesquisa sistemática sobre a Bíblia, em suas diversas versões em português, e em seus originais hebraicos e gregos, e seu contexto histórico, literário e geográfico. A riqueza de seus resultados e descobertas ilumina ainda mais a compreensão da Bíblia nos dias de hoje. Este guia apresenta novos conhecimentos sobre a criação, o contexto e a transmissão de cada livro bíblico. Ao sistematizar esses resultados, o livro formula e responde mais de 1.000 perguntas sobre autores, atores, eventos e curiosidades, além de apresentar a origem e o significado dos nomes dos personagens e lugares bíblicos.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

Este livro resulta de uma leitura curiosa e de uma pesquisa sistemática na Bíblia, tanto em suas diversas versões em português, como em seus originais hebraicos e gregos. A simplicidade e a riqueza dessas línguas “primitivas” descortinam numerosos tesouros escondidos, e até esquecidos, no texto bíblico. E podem iluminar ainda mais a leitura e a compreensão da Bíblia nos dias de hoje. Foram anos de aventuras e saborosa pesquisa.
A primeira parte apresenta um conjunto de explicações sobre quem escreveu a Bíblia, por que seus livros foram escritos e como Antigo e Novo Testamentos foram consolidados, revisados, harmonizados, transmitidos e chegaram a nós. São curiosidades, informações e muitas descobertas recentes, graças ao progresso das ciências e do método histórico-crítico, sobre a aventura milenar dessa biblioteca, sempre aberta à leitura, à interpretação e à compreensão. O final do bloco apresenta 200 exemplos em que a Bíblia “contradiz” ela mesma, 100 em cada Testamento. Conclui esse bloco uma reflexão sobre inerrância bíblica e palavra de Deus.
Os nomes atribuídos a Deus, aos deuses, aos lugares e aos homens não são obra do acaso. Uma das chaves de compreensão da Bíblia está na identidade de cada pessoa, de cada ser e até de cada acidente geográfico ou elemento da natureza. Na Bíblia tudo tem nome, até o Inominável. O livro busca explicar o significado original dos nomes utilizados pelos redatores bíblicos para nomear Deus, deuses, demônios, patriarcas, reis, profetas, Jesus e seus discípulos. Ainda são explicados e comentados quase 500 nomes de autores e atores da Bíblia, muitos deles tão comuns entre nós como Maria, José, Mateus, Marta, Talita, João, Ana e tantos outros.
Como um guia turístico, o livro apresenta o significado dos nomes e as características de localidades e acidentes geográficos como Nilo, Samaria, Genesaré, Babel, Jerusalém, Getsemani, Cedron etc. Para encerrar esse passeio pela geografia e toponímia bíblica, os nomes de uma centena de casas (bet), aldeias e santuários, como Betânia, Betsaida, Betfagé, Betel, Belém e outras, que “urbanizam” o texto bíblico do começo ao fim, são objeto de um capítulo final: “Minha Casa, Minha Vida”.
Este livro responde mais de 1.000 perguntas sobre a Bíblia (autores, atores, usos, costumes, geografia, história, literatura, botânica, zoologia etc.). São muitas curiosidades, mas a maior delas é a própria Bíblia.
 

Páginas selecionadas

Conteúdo

Seção 1
Seção 2
Seção 3
Seção 4
Seção 5
Seção 6
Seção 7
Seção 8
Seção 9
Seção 10
Seção 11
Seção 12
Seção 13
Seção 14

Termos e frases comuns

Sobre o autor (2018)

Evaristo E. de Miranda é formado em agronomia, mestre e doutor em Ecologia, e pesquisador da Embrapa. Autor de trinta de livros sobre agricultura, história, espiritualidade, judaísmo e cristianismo, é estudioso do hebraico e colabora com órgãos da mídia escrita e televisiva. Recebeu o Prêmio Abril de Jornalismo. É diretor do Instituto Ciência e Fé de Curitiba e pai de quatro filhos.

Informações bibliográficas