A história na América Latina: ensaio de crítica historiográfica

Capa
FGV Editora, 2009 - 146 páginas
1 Resenha
'A História na América Latina - Ensaio de crítica historiográfica' traça um balanço sobre as críticas feitas aos modelos ocidentais de racionalidade científica surgidos a partir do século XVII. No caso das ciências sociais, essas críticas - que alguns identificam como 'transição paradigmática', 'crise da modernidade', 'fim da teoria', 'fim da história', ou ainda, 'fim das grandes narrativas' - vêm se tornando cada vez mais visíveis desde os anos 1960. Os reflexos são sentidos de maneira diferenciada nos campos da história e das humanidades, bem como segundo as distintas regiões culturais do planeta. Mas como adverte Malerba, em relação à América Latina, - importadora de cânones estéticos, científicos e culturais das grandes potências ocidentais - a recepção e a difusão dessas reflexões são matizadas pela inserção subalterna da região no sistema geopolítico mundial. Neste ensaio, o autor oferece uma apreciação das linhas de força que guiaram os rumos da historiografia latino-americana nas últimas décadas.

De dentro do livro

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

http://www.ichs.ufop.br/rhh/index.php/revista/article/view/115
http://www.ichs.ufop.br/rhh/index.php/revista/article/view/84

Conteúdo

Prefácio
9
Capítulo 1
48
Capítulo 2
91
Direitos autorais

1 outras seções não mostradas

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas