A era dos festivais: uma parábola

Capa
Editora 34, 2003 - 523 páginas
3 Resenhas
O jornalista e crítico Zuza Homem de Mello conta a história e os bastidores dos principais festivais de música brasileira entre 1960 e 1972 - eventos que revelaram os maiores nomes da MPB, como Elis Regina, Nara Leão, Caetano, Gil e Chico Buarque, entre muitos outros. Testemunha ocular dos fatos, o autor aborda também os embates entre política e estética, acirrados a partir do golpe militar de 1964.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Não encontramos nenhuma resenha nos lugares comuns.

Conteúdo

Prólogo
9
Canção do Pescador I Festival da TV Record 1960
13
Arrastão I Festival da TV Excelsior 1965
31
Porta Estandarte II Festival da TV Excelsior 1966
75
A Banda e Disparada II Festival da TV Record 1966
95
Saveiros I FIC7TV Rio 1966
147
Ponteio III Festival da TV Record 1967
171
Margarida II FK7TV Globo 1967
223
Cantiga por Luciana IV FK7TV Globo 1969
335
Sinal Fechado V Festival da TV Record 1969
351
BR3 V FICTV Globo 1970
367
Kyrie VI FK7TV Globo 1971
391
Fio Maravilha e Diálogo VII FICAFV Globo 1972
413
Ficha técnica dos festivais
437
Discografia da Era dos Festivais
492
Bibliografia
503

Lapinha I Bienal do Samba da TV Record 1968
251
Sabiá III FICATV Globo 1968
271
São São Paulo Meu Amor IV Festival da TV Record 1968
303

Termos e frases comuns

Referências a este livro

Todos os resultados da Pesquisa de livros »

Informações bibliográficas