40 Ferramentas e Técnicas de Gerenciamento

Capa
Brasport, 2007 - 245 páginas
6 Resenhas
Este livro apresenta de forma clara e objetiva Ferramentas e Técnicas de aplicabilidade comprovada para o apoio e melhoria do Gerenciamento. Este trabalho procurou possibilitar uma visão geral e mostrar os passos básicos de algumas dessas metodologias, tentando facilitar o entendimento das técnicas desenvolvidas, evidenciando a sua funcionalidade e estimulando a sua aplicação prática.
 

O que estão dizendo - Escrever uma resenha

Avaliações de usuários

5 estrelas
3
4 estrelas
2
3 estrelas
1
2 estrelas
0
1 estrela
0

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

Livro relacionado a disciplina de Tecnologias de Gestão

Comentário do usuário - Sinalizar como impróprio

Páginas da 157 à 171
http://www.ipemsp.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=487&Itemid=385
Origens
O "Programa 5S" foi concebido por Kaoru Ishikawa em 1950, no Japão do pós-guerra, provavelmente inspirado na necessidade, que havia então, de colocar ordem na grande confusão a que ficou reduzido o país após sua derrota para as forças aliadas. O Programa demonstrou ser tão eficaz enquanto reorganizador das empresas e da própria economia japonesa que, até hoje, é considerado o principal instrumento de gestão da qualidade e produtividade utilizado naquele país.
Objetivos
O "Programa 5S" foi desenvolvido com o objetivo de transformar o ambiente das organizações e a atitude das pessoas, melhorando a qualidade de vida dos funcionários, diminuindo desperdícios, reduzindo custos e aumentando a produtividade das instituições.
O que é o Programa "5S"
O "Programa 5S" ganhou esse nome devido às iniciais das cinco palavras japonesas que sintetizam as cinco etapas do programa. Essas palavras e suas versões para o português são apresentadas abaixo:
Seiri - DESCARTE: Separar o necessário do desnecessário.
Seiton - ARRUMAÇÃO: Colocar cada coisa em seu devido lugar.
Seisso - LIMPEZA: Limpar e cuidar do ambiente de trabalho.
Seiketsu - SAÚDE: Tornar saudável o ambiente de trabalho.
Shitsuke - DISCIPLINA: Rotinizar e padronizar a aplicação dos "S" anteriores.
Etapa inicial e base para implantação da qualidade total, o Programa 5S é assim chamado devido a primeira letra de 5 palavras japonesas: Seiri (utilização), Seiton (ordenação), Seiso (limpeza), Seiketsu (higiene) e Shitsuke (autodisciplina). O programa tem como objetivo mobilizar, motivar e conscientizar toda a empresa para a Qualidade Total, através da organização e da disciplina no local de trabalho.
Denominação Conceito Objetivo particular
Português/Japonês
Utilização/整理, Seiri / Separar o necessário do desnecessário / Eliminar do espaço de trabalho o que seja inútil.
Ordenação/整頓, Seiton / Colocar cada coisa em seu devido lugar / Organizar o espaço de trabalho de forma eficaz.
Limpeza/清掃, Seisō / Limpar e cuidar do ambiente de trabalho / Melhorar o nível de limpeza.
Saúde/清潔, Seiketsu / Tornar saudável o ambiente de trabalho / Prevenir o aparecimento de supérfluos e a desordem.
Autodisciplina/躾, Shitsuke / Rotinizar e padronizar a aplicação dos S anteriores / Incentivar esforços de aprimoramento.
A metodologia possibilita desenvolver um planejamento sistemático, permitindo de imediato maior produtividade, segurança, clima organizacional e motivação dos funcionários, com consequente melhoria da competitividade organizacional.
Os propósitos da metodologia 5S são de melhorar a eficiência através da destinação adequada de materiais (separar o que é necessário do desnecessário), organização, limpeza e identificação de materiais e espaços e a manutenção e melhoria do próprio 5S.
Os principais benefícios da metodologia 5S são:
Maior produtividade pela redução da perda de tempo procurando por objetos.
Só ficam no ambiente os objetos necessários e ao alcance da mão.
Redução de despesas e melhor aproveitamento de materiais.
A acumulação excessiva de materiais tende à degeneração.
Melhoria da qualidade de produtos e serviços.
Menos acidentes do trabalho.
Maior satisfação das pessoas com o trabalho.
 

Conteúdo

Introdução
1
Análise SWOT
7
Análise de Stakeholders
21
Árvore de Decisão
26
Benchmarking
37
Lei de Murphy
49
Matriz BASICO
57
Matriz GUT
66
Ciclo PDCA
131
Diagrama Espinha de Peixe
138
Folha de Verificação
145
Trilogia Juran
172
Histograma de Recursos Humanos
183
Solicitação de Proposta
197
Método de Delphi
205
Técnica de Entrevista
208

Método 5W2H
73
Modelo MyersBriggs
89
Ferramenta de Gerenciamento de Prazo
95
Ferramentas de Gerenciamento de Custos
109
um Projeto
116
Orçamento Matricial
125
Técnica de Reunião
214
Matriz de Probabilidade e Impacto de Riscos
221
Técnica de Monte Carlo
227
Sistema de Controle de Alterações
237
Fontes de Consulta
243

Outras edições - Visualizar todos

Termos e frases comuns

Informações bibliográficas